A diferença entre Nota, Acorde e Arpejo

Afinal, qual é a diferença entre Nota Musical, Acorde e Arpejo?

Esta é uma dúvida muito comum entre os músicos iniciantes, e as vezes, até mesmo para aqueles que já tocam há algum tempo.

Mas a explicação é bem simples.

Vamos lá:

diferença nota acorde arpejo
Descubra a diferença nota, acorde e arpejo.

O que é uma Nota Musical?

Uma nota musical é o resultado da produção de um único som.

Como exemplo, temos uma nota musical quando tocamos somente uma corda do violão, contrabaixo, ukulele, guitarra e etc…

Outro exemplo é quando tocamos somente uma tecla de um teclado ou piano.

Nestes casos, temos uma nota musical.

O conceito de nota musical está relacionado com a melodia.

Importante: não podemos dizer que uma nota musical é maior ou menor. Esta característica se aplica aos acordes e arpejos.

Uma nota é só uma nota.

O que é um Acorde?

Quando tocamos 3 ou mais sons (notas) simultaneamente, temos um acorde.

Vamos aos exemplos:

Ao tocar pelo menos 3 cordas do violão ao mesmo tempo, temos um acorde.

Também podemos produzir acordes, ao tocar ao mesmo tempo, 3 ou mais teclas de um teclado ou piano.

O conceito de acorde está relacionado com a harmonia.

Importante: existem diversos tipos de acordes, com características distintas, como por exemplo, maiores, menores, aumentados, diminutos e etc…

O que é um Arpejo

Ao executar as notas do acorde sucessivamente, ou seja, uma logo após a outra, podemos dizer que temos um arpejo.

O arpejo herda as características do acorde.

Por exemplo: se tocamos sucessivamente as notas de um acorde menor, podemos dizer que temos um arpejo menor.

Vídeo: a diferença na prática

Assista a nossa videoaula e saiba identificar pela sonoridade, o que é uma Nota Musical, um Acorde e um Arpejo.

>> Aproveite para se inscrever no nosso Canal do Youtube!

Dúvida comum: Dedilhado é Arpejo?

Muitas vezes os conceitos de Dedilhado e Arpejo se confundem.

Isto acontece, pois quando montamos um acorde e o tocamos por meio do dedilhado, temos um arpejo.

Mas podemos dedilhar, utilizando além das notas do arpejo, notas de passagem e outras notas da escala.

Ao utilizar estas notas adicionais no acorde, estamos de certa forma “fugindo” um pouco do conceito de arpejo.

Pondo em prática

Entendeu a diferença entre notas, arpejos e acordes?

Então pegue o seu instrumento e tente tocar cada um deles.

Lembre-se que a música é feita de sons. Portanto, experimente tocar tudo o que você aprende na Teoria Musical.

Falando nisso, já conhece a nossa sessão super linda de Teoria Musical?

Corre lá pra conhecer!

Bons estudos!

4 comentários em “A diferença entre Nota, Acorde e Arpejo”

Deixe um comentário