Teoria Musical é Difícil? Descubra o que a Cebola tem a ver com o Aprendizado Musical?

Compartilhe a Música

Escrevemos este texto pensando em você, que ainda acredita que aprender Teoria Musical é difícil.

Cebola e Aprendizado Musical? 🤔

O que tem uma coisa a ver com a outra?

Será que o pessoal da Opus 3 ficou maluco?

Não. Não estamos malucos. 😅

Leia até o final e aprenda uma valiosa lição, que vai potencializar o seu aprendizado, seja ele na música, ou em qualquer outra área da sua vida. 😉

Teoria Musical é Difícil?

É bastante comum acreditar que aprender Teoria Musical é difícil, não é mesmo?

Quem aí nunca ouviu a seguinte frase: “eu gosto de tocar, mas não gosto da Teoria Musical”.

Já falamos sobre isso por aqui algumas vezes… É obvio que é possível tocar um instrumento sem a Teoria. E não há nenhum problema nisso.

Porém, se você quiser sair do básico e se desenvolver musicalmente, a Teoria é uma das suas maiores aliadas.

A importância de não pular etapas

Depois de passar um longo tempo tocando sempre “o básico”, você chega à conclusão que quer algo mais.

Então você decide estudar música de forma mais aprofundada. Com isso, descobre que precisa estudar o Campo Harmônico, por exemplo.

Você começa com a maior empolgação do mundo, assiste aulas, lê livros sobre o assunto e no final das contas, não entende absolutamente nada.

A conclusão “óbvia” que você chega é: Teoria Musical é muito difícil. Isso não é pra mim.

Porém, você não se deu conta de que cometeu um erro gravíssimo: você simplesmente não começou pelo começo. Por isso não entendeu nada.

Antes de estudar Campo Harmônico (esse é só um exemplo), é preciso saber escalas.

Antes das escalas, é preciso saber formação de acordes.

Antes da formação de acordes, temos intervalos.

Antes deles, escala cromática.

Antes da escala cromática, tom e semitom.

E por aí vai…

Ao estudar Teoria Musical de forma estruturada, certamente você terá ótimos resultados.

Aí você deve estar se perguntando: Mas e a danada da Cebola?

Fique então com algumas palavras (geniais) do maravilhoso escritor Rubem Alves:

“Agora, figure que uma cebola cortada é um modelo do mundo. Bem no centro, lá onde o primeiro anel é tão pequeno que não chegou a ser anel, ponha uma criança. Imagine que os anéis são os mundos que ela precisa conhecer para viver. Mas não é possível comer o que está longe. Não é possível pular anéis. Só se pode comer o quarto anel depois que se comeu o primeiro, o segundo e o terceiro anéis.”

Assim é o aprendizado. Você só pode comer o anel que está próximo de você. 😊

Conta pra gente o que você achou dessa reflexão.

Você já pulou etapas alguma vez estudando música?

Opus 3 | Ensino Musical

Os irmãos Álvaro Fusco e Gabriel Miguez são Professores e Co-Fundadores da Opus 3 Ensino Musical.
A Escola, que foi fundada em 2014 já transformou a vida de centenas de alunos em seus anos de história.
Com o enorme sucesso da escola física, os irmãos sentiram a necessidade de criar um espaço virtual.
Foi criado então o blog da Opus 3.
Neste espaço virtual, qualquer pessoa, de qualquer lugar do mundo tem a oportunidade de aprender música.
🤍

Deixe um comentário